quarta-feira, 26 de janeiro de 2011

Amor.

Texto de @LeFavoretto

Uns dizem que é loucura o que sinto por você. Outros dizem que é besteira, que isso não vai me levar a nada, que eu não ganho nada com isso.

Muitos tiram barato porque não temos libertadores, estádio...

Mas é algo diferente, é um amor que floresce de criança, que só quem é realmente sabe o que é. É dormir e acordar pensando nele, é cantar, mesmo que sozinho, é acreditar quando não há esperança. É nascer e crescer, viver e morrer Corinthians.

Eu respondo que não é loucura, e nunca é besteira um amor incondicional, que não se mede e está fora de qualquer limite.

Ser Corinthians é acordar em uma quarta-feira e esquecer qualquer problema, pensar somente no jogo da noite, no bar com a família, na bancada, sair correndo depois do jogo pra chegar a tempo no metrô. E, se com vitória, cantando Corinthians com força e alegria até chegar em casa; se com derrota, cantar com ainda mais força e fé que eu nunca vou te abandonar porque te amo.

É embarcar com determinação na caravana dos gaviões da fiel. É rezar pelo gol, mesmo faltando apenas um minuto e sabendo que o tento não mudará nada. É encarar qualquer arquibancada sob sol, chuva frio...

É salvar o dinheiro do mês pra ir no jogo. É perder amizades, perder emprego, simplesmente porque não aceita ver outras pessoas falando mal do time.

Dizem que quem ama sofre. Pois o corinthiano sofre muito porque ama muito, a cada gol sofrido, a cada passe errado, mas mesmo com a derrota não se deixa abater e continua na luta, sempre acredita, nunca desiste.

Em quanto aos outros, ai que bobos, eles não sabem o que é ser gavião. Gavião é aquele torce, acima de tudo com raça e coração. Ninguém melhor do que nós pra falar de você.

É lealdade, humildade e proceder.

Nota do blog: hoje começa mais uma busca pela sonhada libertadores... mas o que esperar desse campeonato? Bom... o elenco é mais limitado que no ano passado, especialmente na reposição de jogadores... contudo, o conjunto é forte e a experiência do time, fruto da repetição, deve pesar favoravelmente...

O blog, depois de domingo, ficou com um receio em especial: ainda que o time abertamente tenha tirado o pé, vimos no Pacaembu um jogo com a cara do tite... isso é bom, porque é um contra-ataque forte, uma defesa sólida no meio, pressionando a saída adversária, e porque valoriza a posse de bola; ao mesmo tempo, é ruim porque o time não sabe agredir, não mostra força suficiente para abrir defesas adversárias, e isso é característico das equipes de nosso treinador (veja o que ele fez – ou não fez – com aquele bom time chorolado de alguns anos atrás)

Preocupa também a marcação das alas, que deve melhorar, na direita, com Alessandro... contudo, o ritmo defensivo de rc vem sobrecarregando Ralf, o que é comprovado se vermos que nos últimos jogos, mesmo tendo mais posse e jogando melhor que os adversários, nosso cão de guarda acabou trabalhando bastante...

De qualquer forma, temos a fiel torcida na bancada e o resguardo de nosso santo padroeiro... força Corinthians, acreditamos sempre! Vai pra cima timão!

Nenhum comentário:

Postar um comentário