quinta-feira, 1 de abril de 2010

paulista - corinthians X bixarada - por nathan malafaia

não gosto de cópias, mas bons textos tem que ser divulgados:

por Nathan Malafaia





Jack Tricolor dirigiu-se ao Pack-in-Bull Saloon, quartel-general de Tim Timão. Todos ficaram paralisados quando os dois caubóis se encararam. Os olhos de Jack faiscavam.

- Finalmente nos encontramos de novo – disse Jack. Tim replicou:

- Então você realmente quer tomar meu lugar?

- Sim! Esta cidade é pequena demais para nós dois – Jack esboçou um sorriso feroz. – Dançarei sobre seu cadáver!

- Andou tendo aulas com Billy? Parece que tirou de letra... – debochou Tim.

- Tanto quanto você; ao menos, não sujei a estrela de Paulistão City com sangue!

A esta provocação, Tim Timão mostrou porque é o xerife de Paulistão City: sacou seus revólveres Paul Andrew e Little Tooth e disparou, fazendo dois furos no chapéu de Jack, rente às orelhas.

Prosseguindo em sua sanha, alvejou seu oponente com sua pistola 007 (não confundir com a de Big Green) e também com o revólver D-10, arma bastante precisa que pertenceu a Jack em seus dias de xerife.

Mesmo atordoado pelos tiros, o caubói tricolor ainda conseguiu acertar Tim com um disparo de seu Jean Colt (não confundir com Jean Rolt). E foram para o intervalo.

Na volta, como manda o ritual do velho oeste, Tim Timão e Jack Tricolor ficaram de costas um para o outro. O juiz sem nome contou até dez e, ao final da contagem, Jack virou-se e notou, surpreso, que Tim continuava de costas.

- Xerife covarde! Nosso duelo ainda não acabou!

A resposta foi um estampido seco: Timão, com seu rifle Robert Carl, lançou um petardo, abatendo seu inimigo de uma distância enorme. Ao ver que Jack Tricolor não se levantava, Tim voltou caminhando tranquilamente, com um andar meio tcheco, diriam alguns.

Este foi seu grande erro: ao aproximar-se o suficiente, Jack rolou para o lado e, sacando seu South Colt, atirou por duas vezes. Tim, sem seu colete Saint Phillips, que era o segredo de muitas de suas vitórias, estava ferido, sangrando muito. Jack aproximou-se do agora cambaleante xerife.

- Você está acabado! Ah, como é doce a vingança!

Jack, então armado com sua Lollypop Gun, preparou o golpe final, prendendo Tim Timão pelo pescoço com seu braço.

Desnorteado, o xerife buscou por seu Ronald Colt, mas encontrou apenas uma velha garrucha Made in Quixeramobim. Tim não teve dúvidas: golpeou com força a Lollypop Gun apontada para a sua cabeça.

BANG!

Tim Timão pegou seu chapéu com as mãos, observando o furo causado pelo disparo. Atrás dele, jazia Jack, ensangüentado por seu próprio tiro.

- Nunca na história de Paulistão City um xerife lutou tanto por seu povo. Não me derrotarão assim tão facilmente.

Exausto, Tim pediu uma cerveja ao taberneiro do Pack-in-Bull Saloon. Foi quando um garoto esbaforido entrou pela porta, gritando:

- Corra xerife! Billy, the Fish, acaba de alvejar Blue Mount com cinco balas!

Tim correu, sabendo que não poderia permitir que Billy seguisse aniquilando seus adversários. Conseguirá impedi-lo? Ou será que Billy tomará seu posto? Não percam os últimos duelos de Paulistão City!

Nenhum comentário:

Postar um comentário